Trilha Sonora Para Escrever

Chopin in Concert - EuGordinha

Às vezes quando se escreve uma história, na composição de um personagem, ou parte da história dele, a gente põe pra tocar uma canção ou música instrumental. Elas ajudam a criar o “clima” no qual as palavras fluem melhor. Para os trabalhos de hoje na escrita do romance EuGordinha, uma das faixas da playlist: De Chopin, Noturno – Opus 9 Número 1 em Si Bemol Menor.

Chopin - EuGordinha

Em meio a tantas histórias de fracasso, ouço essa de resgate das drogas, por meio da força de vontade e incentivo. Amei ter sabido de boas notícias assim, casos reais que nos motivas a continuar crendo no poder de transformação e mudança do ser humano. = )

Leonardo Ladis

Eduardo Matos - Educador Social

‘Pessoas com incentivo e motivação me fizeram voltar a olhar pra vida e pra sociedade’

Entrevista com Eduardo Matos, ex-usuário de drogas que foi aprovado em concurso público para educador social.

Leia mais: cbn.globoradio.globo.com

Ouça a entrevista abaixo

Ver o post original

A Dieta do Palhaço

Dieta do Palhaço - EuGordinhaPra quem nunca viu está ai um documentário interessante que surgiu da proposta de se saber o quão prejudicial poderia ser a comida servida no McDonald’s depois que duas meninas com sobrepeso processou a rede de fast-food por conta de seus problemas com o peso.

Super Size Me (br: Super Size Me – A dieta do palhaço / pt: Super Size Me – 30 dias de fast food) é um documentário estadunidense de 2004, escrito, produzido, dirigido e protagonizado por Morgan Spurlock, um cineasta independente dos Estados Unidos da América.
No filme, Spurlock segue uma dieta de 30 dias (fevereiro de 2003) durante os quais sobrevive em sua totalidade com a alimentação e a compra de artigos exclusivamente do McDonald’s. O filme documenta os efeitos que tem este estilo de vida na saúde física e psicológica, e explora a influência das indústrias da comida rápida.
Durante a gravação, Spurlock comia nos restaurantes McDonald’s três vezes ao dia, chegando a consumir em média 5000 kcal (o equivalente de 6,26 Big Macs) por dia durante o experimento.
Antes do início deste experimento, Spurlock, comia uma dieta variada. Era saudável e magro, e media 188 cm de altura com um peso de 84,1 kg. Depois de trinta dias, obteve um ganho de 11,1 kg, uns 13% de aumento da massa corporal deixando seu índice de massa corporal em 23,2 (dentro da faixa “saudável” 19-25) a 27 (“sobrepeso”). Também experimentou mudanças de humor, disfunção sexual, e dano ao fígado. Spurlock precisou quatorze meses para perder o peso que havia ganhado.
O fator que motivou Spurlock para fazer a investigação foi a crescente propagação da obesidade em todo os Estados Unidos da América, que o diretor do serviço público de saúde dos Estados Unidos da América tinha declarado como “epidemia”, e a correspondente demanda judicial contra o McDonald’s em nome de duas meninas com sobrepeso, que alegaram que se converteram em obesas como resultado de comer alimentos do McDonald’s. Spurlock disse que apesar do processo contra McDonald’s ter falhado, grande parte da mesma crítica contra as companhias de tabaco se aplica as franquias de comida rápida. Embora se podia argumentar que a comida rápida, ainda seja psicologicamente viciante, não é tão viciante como nicotina.
O filme foca o Mc Donald’s como um dos representantes da indústria alimentar estadunidense, que criou tamanhos exagerados de porções e que, sempre que possível, induz ao consumo de mais e maiores porções, fazendo com que a população consuma muito além do necessário para uma alimentação saudável. Saiba mais aqui

Dieta do Palhaço - EuGordinha (1)

 

Aprendiz de Ipê

Ipê Florido - EuGordinhaA natureza nos ensina muitas coisas e na maioria das vezes é sem palavras. O que ela nos diz não precisa de muitas letras escritas ou sílabas ditas. O simples ir e vir por ela, passando os olhos no que ela expões pode nos enriquecer profundamente por dentro.

“A felicidade aqui da minha varanda é ver os ipês, que teimam em florescer. Para florescer eles têm que perder todas as folhas. Árvore pelada, na cabeça da gente, está se preparando para morrer. Mas em vez de morrer o que os ipês fazem? Eles florescem. -Rubem Alves

10 Conselhos Para quem deseja Arrumar Alguém

Padre Chrystian Shankar - EuGordinha

10 Conselhos Para quem deseja Arrumar Alguém
Padre Chrystian Shankar

Game Over

Game Over - EuGordinha

Pra quem pensa que a situação do namoro, noivado, casamento é como um jogo, melhor nem gastar suas fichas. Engana-se quem pensa que relacionamento é um jogo que começa na sedução e segue adiante até o tal do GAME OVER. Não há jogo onde um perde e o outro ganha… Onde a mulher quer as emoções de um envolvimento e o homem quer as ações de um sexo gostoso… bem, pra falar a verdade existe sim, quem jogue essa deslealdade, às custas da própria felicidade, pois quem joga no relacionamento trás pra dentro de um ambiente onde deveria haver cooperação a rivalidade, e não há como rivais desfrutarem do que o amor é capaz de proporcionar aos que se dão a ele. Cumplicidade, companheirismo, amizade, mutualidade, cooperação e uma porção de outras palavras bonitas que implicam na união de duas pessoas para se ajudarem a forma o que chamam de vida em comum, amor, relacionamento e etc. Seria muito melhor que a maioria dos homens e algumas mulheres revessem os seus conceitos sobre essa questão que me parece muito séria, sob risco de permanecerem sós, mesmo estando juntos de outro alguém de quem se acham parceiros.

Leonardo Ladislau

Desabafo…

Desabafo - EuGordinha

Engraçado que o meu peso atrapalha mais as pessoas do que a mim mesma (NO ÂMBITO GERAL)… Infelizmente, mesmo com movimento Plus Size em voga, a gente ainda vive numa sociedade preconceituosa cheia de esteriótipos e culto excessivo ao corpo!!! Convenhamos que acima de estatura, ou biotipo o que deve prevalecer é a saúde em dia, sempre enfatizo isso!!! Mas, porém, contudo, todavia, a gente acaba tendo que se enquadrar num padrão para ser aceito “socialmente”, digo socialmente não é só pelo amigos, família não, digo para o mercado de trabalho, entre outros aspectos!O que foge da normalidade chocam as pessoas, e estas mesmas não sendo educadas para tal acabam reproduzindo um certo “PRÉ-CONCEITO”, pois então não irei entrar no mérito porque caberia aqui uma análise mais complexa e profunda. É mais cruel do que parece!!! Se é complicado demais para quem estuda a sociedade, imagina para quem não… Entendam que NÃO estou aqui LEVANTANDO A BANDEIRA DA OBESIDADE, e sim quero dizer que a SAÚDE em dia é primordial e que as pessoas ‘devam’ ser aceitas, respeitadas independente de PESO, diferenças e limites! Reflitam, analise antes de aceitarem ou se enquadrarem naquilo que é IMPOSTO socialmente!!! É contraditório, mas é real!!!

Via Deborah Chagas MissElegant

Amor Próprio

Keli Patrícia  EuGordinha

…é não adianta, você sempre vai ser um ponto de referência.. mas pode optar por ser um ponto de referência pelo lado bom ou pelo ruim.. sempre um(a) gordinho(a) vai ser apontado, sempre que for passar na catraca vão olhar se vai se prensar.. sempre que for sentar em um lugar reduzido vão olhar se você vai caber… sempre que entrar em um lugar pra comer ou comprar algo vão prestar atenção no seu prato, nas suas escolhas… E isso te deixa triste,incomoda muitas vezes, talvez você já tenha fingido não ligar para os olhares e depois em sua casa chorou no escuro do quarto.. passar pelo período de aceitação é muito difícil, eu nem sempre passei por tudo com sorriso no rosto, já deixei de pegar o mesmo ônibus que amigos pra que eles não me vissem sofrendo pra girar a catraca, já deixei de ir em lugares onde o lugar pra sentar é restrito, já pensou ficar presa entre a cadeira e a mesa??… Já chorei e como chorei!… mas ai eu parei e tive que decidir se eu deixaria a sociedade decidir quando eu poderia sair na rua ou não, se eu faria um regime ou não, se eu seguiria padrões ou não…e minha resposta veio de encontro com algo que descobri em meio a tanto apoio familiar e de amigos…NÃO! …quem decide o que você vai ser é você e eu decidi ser livre de preconceitos e me amar acima de tudo e todos..e vou dizer isso faz um bem incrível, mas temos que tomar cuidado porque no meio do caminho vamos conhecer tantos VERMES que se fingiram de amigos, amores repentinos que logo em seguida nos deixaram piores, aquele tipo de gente que te ama em tempo instantâneo e depois quer te levar pra cama, some… isso mesmo… Hoje em dia nós mulheres gordinhas ainda passamos por isso de chegar um ROMEU te encher de palavras bonitas, te levar pra cama e sumir porque simplesmente ele pode realmente se apaixonar por você ,mas apresentar uma GORDA pra família, amigos é algo inaceitável .. em meu caminho essa fase tem mudado, depois que eu dei de cara com o tal AMOR PRÓPRIO eu tenho atraído aquilo que me convém e não caio mais em papo de amor por gordinhas,ou fetiche ou seja lá o que venham me falar, me oferecer, eu acredito em sentimentos, em aceitação, naquela pessoa que te pega pela mão seja onde você estiver, te apresenta aos amigos como sendo a sua princesa, e tem que ser assim, se algum dia você já viveu algum tipo de preconceito, seja ele qual for, saiba que quem decide o final da história é você!

Keli Patrícia 23:57 hs de uma simples segunda e cansativa feira *_*

Esquinas

Esquinas - EuGordinha

Tenho andado no meio de muita gente viva, por isso, de repente, tanta morte se acomete e tira de perto de quem conheço quem se ama. A minha relação com a morte é serena, ela pra mim é uma pequena curva na esquina. Quem cruza a rua e vai ao outro lado da calçada e segue até o fim da rua e vira e vai embora, a gente não vê mais do mesmo jeito que via antes – assim é a morte pra mim.

O coração de quem fica, fica desajeitado dentro do peito, com o peso da dor e da saudade. A cabeça pesando, lembranças podem doer. Mas a morte pra mim é como uma entrega, a gente devolve o que nos foi dado. Pra quem fica é preciso seguir adiante. Lá na frente, não muito distante, mesmo que demore mil anos, há uma curva na esquina. Não existem esquinas retas na vida. A vida tem hora que nos deixa ver essa geografia dura e real, ai de quem se negar o direito da verdade por puro medo do desconhecido. Se a gente não pode com o mistério da vida, não precisa fugir dela só por isso. A gente já foge tanto da vida por medo dela em tantas outras coisas. Não precisamos fugir do inevitável. Toda rua dá uma quebra, faz curva em algum momento. Mas é tudo só passagem. Mais adiante é que a gente vê melhor a paisagem e ai aprende a lidar melhor com o começo e fim da vida. O que importa é o meio e o recheio que a gente põe na vida. Não foi a gente quem decidiu começar com a vida, não seremos nós os responsáveis em decidir seu fim. O que nos cabe é o meio, viver, fazer a nossa parte.

P.S.: Que o Consolo divino alcance os corações dos que conheço e de quem ouço falar, os que nos últimos dias tiveram suas despedidas.

Morte - EuGordinha

Leonardo Ladislau

Afinidades

Afinidades - EuGordinha

Afinidades, laços, fios que nos unem, nos amarram. Fios finos ou grossos. Cordas, Correntes. Laços de sangue, de alma, de espírito. O que nos torne mais próximos uns dos outros, o que nos torne mais unos.

Leonardo Ladislau

Viagens

Viajar - EuGordinha

“Para viajar basta existir.”

(atribuído a Fernando Pessoa)

A gente não precisa ter muita bagagem. Leva a si mesmo e uma duas ou três mudas de roupa. Um livro, ou caderno, caneta e lápis, gravador, máquina fotográfica ou telefone celular que faça a vez disso tudo. Já to levando coisas demais né? O bom é lembrar de levar a alma dentro do corpo. Pois na verdade é a alma quem viaja. Às vezes, mesmo quando o corpo não vai aos destinos da viajem geográfica, a alma vai tão leve e solta, rápida… e ainda tem a audácia de voltar no tempo, pular no futuro e voltar cheia de novidades e velharias. É preciso muito cuidado com o que a alma leva e traz na sua bagagem, pois no final das contas podemos acabar sendo o que ela tem consigo.

Leonardo Ladislau

Amanheceu…

emlio santiago - EuGordinha

No amanhecer de hoje Emílio Santiago veio a falecer. Deixa a sua obra fechada na Música Popular Brasileira. Segue uma amostra…

“Saigon”
Emílio Santiago

Tantas palavras
Meias palavras
Nosso apartamento
Um pedaço de Saigon
Me disse adeus
No espelho com batom

Vai minha estrela
Iluminando
Toda esta cidade
Como um céu
De luz neon

Seu brilho silencia
Todo som
Às vezes
Você anda por aí
Brinca de se entregar
Sonha pra não dormir

E quase sempre
Eu penso em te deixar
E é só você chegar
Pr’eu esquecer de mim

Anoiteceu!
Olho pro céu
E vejo como é bom
Ver as estrelas
Na escuridão
Espero você voltar
Pra Saigon

Tantas palavras
Meias palavras
Nosso apartamento
Um pedaço de Saigon
Me disse adeus
No espelho com batom

Vai minha estrela
Iluminando
Toda esta cidade
Como um céu
De luz neon

Seu brilho silencia
Todo som
Às vezes
Você anda por aí
Brinca de se entregar
Sonha pra não dormir

E quase sempre
Eu penso em te deixar
E é só você chegar
Pra eu esquecer de mim

Anoiteceu!
Olho pro céu
E vejo como é bom
Ver as estrelas
Na escuridão
Espero você voltar
Pra Saigon

Composição: Claudio Cartier/Paulo Feital/Carlão

Outono

Imagem

Outono

Gosto do outono, oportunidade de mudar muitas coisas na vida de maneira equilibrada. Sentir que as forças para certas situações diminuem na mesma proporção em que descobrimos que não vale a pena lutar por elas. No outono a natureza troca de forma, revigora as suas essências, se prepara para o inverno onde aparenta morte, mas na verdade é só mais um pouco do ciclo fluindo. Temos muito o que aprender com a natureza das coisas.

Outono Lindo

Hoje de manhã começou o outono. Seu Lindo, seja Bem Vindo! Outono - EuGordinha

Mais um texto delicioso que toda mulher deveria ler. Parabéns pela sensibilidade em expor assuntos tão delicados e necessários, Ida. Xero!

Blog da Ida Lenir

É isso que sou, uma mulher só. Não há uma gota de pesar nesta afirmação. Apenas quero dizer que tomei as rédeas da minha vida e gostei da arte de  me conduzir pelos caminhos, às vezes tortuosos, que revolvem meus medos; às vezes de uma simplicidade translúcida, que alimenta certezas.

Descobri, para minha surpresa, que conviver comigo mesma me traz paz, aumenta minha autoestima, torna meus dias mais ensolarados e me deixa mais ousada e condescendente com meus erros e enganos. Olho-me no espelho com olhos despidos do olhar do outro e me acho bonita, com os dotes herdados da genética e sobre quais o tempo trabalhou e o uso desgastou. Ainda assim, há tanto encanto no que me tornei agora! Encanto com o qual só eu me encanto estando só.

Reconheço minhas fragilidades, meu dark side, o sombrio pessimismo mascarado de realismo racionalizado que teima em anuviar alguns momentos…

Ver o post original 345 mais palavras

Beleza Real Ou Ilusória

Beleza Real ou Ilusória EuGordinhaO que será de nós se já começarmos desde cedo a impor aos nossos pequeninos um padrão de beleza que o tempo, a cultura e o lugar podem fazer variar de acordo com vários motivos, inclusive econômicos e financeiros?

A Mídia no geral tenta nos impor as suas preferências de acordo com os produtos que ela quer vender, que ela quer que fiquem na moda.

Nos deixamos ser vítimas servis desse esquema? É triste não ver a valorização do que realmente somos, em prol da valorização do que deveríamos ser. Cultiva-se então a eterna insatisfação consigo mesmo – motivo suficiente para comprarmos tudo o que nos empurram com a promessa de que tendo isso ou sendo aquilo, ai, sim seremos aceitáveis, ficaremos felizes.

Quanto custa abrir os olhos e se aceitar como é? Tipos de cabelos, tipo de corpo, formato de rosto, boca, olhos, sobrancelhas, nariz. Se tudo em você funciona com saúde, está tudo perfeito. Ame-se assim antes de querer mudar alguma coisa porque lhe disseram que ficaria melhor.

Valorize-se além da etiqueta que insistem em por em você com um preço. Você nunca será apenas o que dizem, a menos que aceite isso.

por Leonardo Ladislau

Quem Ama não exclui, Bloqueia!

Polemizando… Porque excluir aquele amigo chato do facebook quando se pode bloquear as publicações dele que, sim, são chatas? Não quero nem saber das reclamações que podem advir após essa postagem. Sei que a dica serve pra muita gente, então lá vai.

Bloqueando Amigos Chatos no Facebook - EuGordinha

Você ama seu amigo, mas não gosta das postagens dele, ou enche o saco kkk mas não quer perder a amizade, não sabe o que fazer? Não apague as postagens dele, porque você pode perdê-lo para sempre. O facebook pode achar que é denuncia. Mas você pode escolher o que receber dele ou ficar apenas com o bate papo sem denuncia-lo e sem bloquear, passa o mouse no nome da pessoa ai aparece isso ai na foto, vai em configurações e aparece a segunda parte onde tem as setinhas ali você clica no que não quer receber deles. OBS.: Seu amigo não fica sabendo que vc fez isso.  Você pode optar por não receber nada como só fotos ou oque preferi. Fica minha dica, pra ver se pára de bloquear o face do povo.
beijinhos danubia

Via Amigos e Fãs DeGordinhas

Sonhos

Sonhos - EuGordinha

Muito de tudo o que existe pelo mundo afora veio de dentro da cabeça de alguém. Em algum momento foi algo imaginado, pensado, planejado… até, o momento do trabalho duro e finalmente a REALIZAÇÃO. Ou seja, muito da realidade é feita de sonhos realizados. Temos essa capacidade de trazer ao mundo algo de nosso mundo interior. Me arrisco a dizer que fomos feitos para isso, mudar o mundo a cada dia um pouco mais… 

Riscos

Riscos - EuGordinha

– …a gente também acostuma de sentir saudades e não ser correspondida, né?

– Acho que sim, né? Só dói um pouco, mas…

– Amar pode ser perigoso.

– Viver também.

 

Seja a Melhor Pra Si Mesma

O Melhor Pra Si Mesma EuGordinha

Seja sua melhor amiga,
Melhor conselheira,
Melhor cozinheira,
Cuidadora,
Amante,
Pessoa…

De o melhor de si pra si mesmo antes de sair distribuindo a quem talvez não dê o devido valor.