Da Beleza Real

Não se contente em apenas se sentir linda. SEJA LINDA! SER linda é diferente de se sentir linda ou de parecer linda. Pode ser que SER dê um tanto de trabalho, afinal de contas você vai ter de ir contra toda uma cultura (que tem mudado aos poucos, é verdade) e que diz que uma mulher gorda não é assim tão bela quanto pode pensar. Mas quem são os outros pra nos dizer o que podemos ou não pensar?

Entenda que a BELEZA não é o que todos dizem e muito menos o que poucos dizem. A beleza é o que é e está em todo lugar, mas só reconhece a beleza quem quiser. Ela está dentro de quem a vê por fora. Ou seja, o que é belo ou não vem dentro de cada um, nas preferências de cada um ou dentro do que cada um escolheu crer. Os que acreditam que BELEZA é apenas o que a maioria diz, vão ficar escravos das mudanças da moda, conforme a mídia propaga novos interesses e queiram vender novos produtos. Ai de quem se deixa escravizar e acaba tendo o seu corpo como objeto de barganha. É triste ver pessoas deprimidas por não terem um corpo objeto, digno de vitrine. A dignidade da beleza de um corpo está em sua existência saudável. Se o seu corpo está saudável, sem doença que te prejudique a qualidade de vida; se o seu corpo está bem cuidado, não está sujo nem ferido, então o seu corpo é PERFEITO. Mesmo que hajam estrias e celulites e cicatrizes de operações ou acidentes… o corpo quando funciona bem, é um corpo perfeito, pois a vida está bem guardada dentro dele. Essa é a beleza que importa a da vida fazendo o corpo funcionar.

Seja a Melhor Pra Si Mesma

O Melhor Pra Si Mesma EuGordinha

Seja sua melhor amiga,
Melhor conselheira,
Melhor cozinheira,
Cuidadora,
Amante,
Pessoa…

De o melhor de si pra si mesmo antes de sair distribuindo a quem talvez não dê o devido valor.

O que nos Encanta

 

O diferente costuma ser encantador.

Todos nós temos as nossas particularidades sejam exteriores ou interiores. Muitas vezes ficamos a lutar por anos na tentativa de nos modificar e sermos mais “aceitáveis” – antes aos outros do que pra nós mesmos.

Pensemos: Quando, por exemplo, alisamos ou pintamos os cabelos pra agradar a nós mesmos, será que no fundo não estamos tentando agradar ao PADRÃO que colocaram dentro de nós do que é belo? O espelho não é um objeto natural que encontramos pela natureza de modo fácil. A natureza por si só cria, sim situações nas quais podemos nos ver refletidos. Mas não é um ato natural o de nos olharmos no espelho, é um ato cultural. Nos ensinaram a nos olharmos no espelho e buscarmos uma BELEZA que nem sempre é a que está em nós por nascença.

Precisamos aprender a nos ver como somos e descobrir a beleza de nossa cor de pele, formato de nariz, tipo de cabelos, altura, jeito de ser… Se nos amarmos sendo originais, como os DNAs determinaram, toda mudança que fizermos não terá o peso da não aceitação como opressora.

Aprendendo a Amar – Mimo Gostoso


“O importante não é o dia em que conhecemos as pessoas, e sim o dia em que elas passam a existir dentro de nós” (anônimo)

Amar é Aprendizagem

Amar é uma aprendizagem difícil. Embora tenhamos nascido para o amor, amar não é instantâneo. É como aprender a andar, a gente vai de passo em passo. Alguns caem tremendamente e dói tanto que nem dá mais vontade de continuar andando. Ai ficamos prostrados num canto, à espera de algum milagre que não vem. A gente precisa aprender a amar, amar a quem de direito, o Eterno, a nós mesmos e aos outros. É um processo, uma sequência de etapas quais não acontecem automaticamente… sei que estou teorizando um pouco as coisas por aqui Na verdade é mais simples do que parece… é como aprender a distinguir os sabores, mas no caso distinguir os saberes: Entre o amargo e o doce, o doce e o salgado, o azedo, quais combinações eu gosto mais?

“Quem está satisfeito despreza o mel, mas para quem tem fome até o amargo é doce.” 
Provérbios 27:7

É preciso descobrir o que é o amor e depois como podemos amar. É preciso descobrirmos o amor por nós mesmo, porque mesmo que não haja ninguém por perto de nós, temos a nós mesmos, e se não nos amarmos primeiro, como receber o amor do outro sem ser extremamente dependente dele? A se de aprender a amar com liberdade…