Carinho

Amar pode ser tão simples. Muitas vezes, nós, seres humanos, que nos gabamos de sermos “seres evoluídos” não nos damos conta de como amar é importante e simpes. A gente complica muito as coisas. A gente se magoa por pouca coisa – porque nos fizeram pouca coisa, ou deixaram de fazer, nos disseram ou deixaram de dizer. Mas a gente só percebe que foi pouca coisa, quado vira a página e acontece algo maior, mais importante, mas IMPACTANTE. Mas cada um tem lá o seu limite, então o que pode ser pouco pra mim é muito muito pra outra pessoa.

Na verdade eu comecei querendo compartilhar uma foto linda, de um amor simples. Entendo o afeto que algumas pessoas têm por seu bichanos. Dizem que o “cão é o melhor amigo do homem”. Marley que o diga, dos livros, ganhou as telas do cinema e o coração de muitos. Sei que algumas frustrações com o ser humano nos fazem nos apegar aos cães ou outros bichinhos de estimação muito mais do que aos nossos pares…

Puxa vida temos tanto a aprender. Não sei mais o que dizer… e não é por falta de criatividade, é questão de ânimo mesmo. Hoje eu acho que só queria um latido sincero e um pouco de silêncio. Tem vezes que viver cansa. Mas ainda assim é muito bom.

Bem, acho que acabei fazendo desse post um pouco de desabafo. Mas tudo bem, a vida também tem disso. Não vou me deixar entristecer. Daqui a pouco o dia acaba e hoje eu ainda tenho muito o que viver.

latidos sinceros a quem possa ouvir…