Presentei-se

Quando nos amamos, podemos sim nos presentear a nós mesmos com coisas, situações, pessoas. Cabe a nós fazer.

Hoje me presenteei com esse chaveiro-relógio

por Michelle Cristina

Abaixo uma música em minha própria homenagem, homenagem ao amor incondicional que desenvolvi por mim no decorrer das lutas diárias e de todos os meus infortúnios e também minhas conquistas…

Eu Me Amo
Ultraje a Rigor

Há quanto tempo eu vinha me procurando
Quanto tempo faz, já nem lembro mais
Sempre correndo atrás de mim feito um louco
Tentando sair desse meu sufoco
Eu era tudo que eu podia querer
Era tão simples e eu custei pra aprender
Daqui pra frente nova vida eu terei
Sempre a meu lado bem feliz eu serei

Refrão
Eu me amo, eu me amo
Não posso mais viver sem mim

Como foi bom eu ter aparecido
Nessa minha vida já um tanto sofrida
Já não sabia mais o que fazer
Pra eu gostar de mim, me aceitar assim
Eu que queria tanto ter alguém
Agora eu sei sem mim eu não sou ninguém
Longe de mim nada mais faz sentido
Pra toda vida eu quero estar comigo

Refrão

Foi tão difícil pra eu me encontrar
É muito fácil um grande amor acabar, mas
Eu vou lutar por esse amor até o fim
Não vou mais deixar eu fugir de mim
Agora eu tenho uma razão pra viver
Agora eu posso até gostar de você
Completamente eu vou poder me entregar
É bem melhor você sabendo se amar

Declaração Vitoriosa…

Me preparando pra sair ao trabalho, última passadinha no face pra ver o que tem de novo… Olha! Uma foto da Camila… e uma declaração nada convencional, até com certo tom de piadinha:

Evolução do Pokemom… Antes tava gorda… agora to BOA… to podendo ate fazer o comercial da ANTARTICA… ok ok Deixa eu ser feliz e me amar… kkkk

Nessa semana ler algo assim me anima muito! Muito Mesmo! Tomei um tremendo susto com uma notícia de amiga minha que estava com saúde aparentemente prejudicada e que ficou sabendo que era por causa do peso. Me deparei com essas questões sérias que são o sobrepeso, quando o mesmo causa problemas de saúde. Comecei a pesquisar sobre RA (Reeducação Alimentar) e pretendo colocar aqui no blog algumas descobertas muito úteis.

Camila,

Eu te conheci faz pouco tempo. Ver que tu és uma menina super de bem contigo mesma e com os teus é um incentivo pra que eu continue levando adiante a proposta de levantar a auto-estima das meninas que se acham feias por causa de suas gordurinhas. Naquela primeira foto que eu vi, a frase me impressionou. A beleza inegável qual exploraste com sutileza serve de amostra do que pode ser, o ser Gordinha. O fato de te amar com intensidade transmite naturalmente uma beleza além dos padrões. A beleza de estar viva. Cada pessoa que nasce tem a sua batalha pra vencer e tu estás vencendo a tua à olhos vistos. Ainda servirás de muito incentivo pra meninas que não estão se gostando por estar acima… que elas venham logo a perceber que estão realmente acima é dos preconceitos e padrões de pensamento limitantes. Um beijão pra ti e grande abraço. No aguardo das boas notícias!

Me Amar…

Por qual motivo eu não me amaria? Quando eu faço besteiras e me arrependo eu fico com raiva de mim mesma. Mas depois isso passa… Mas enquanto não passa é como se eu fosse inimiga de mim mesma. Não posso ser inimiga de mim, preciso me amar apesar de tudo. Só que é tão difícil se amar quando ninguém parece me amar o suficiente. Parece que não tenho valor algum quando ninguém diz me amar. Ai eu corro o risco de fazer coisas pra que gostem de mim… Mas ai também corro o risco de ficar escravo de agradar os outros, pra que não me rejeitem… Preciso aprender a me amar bem mais do que aparentemente me amam. Ter o cuidado de não ser egoísta, porque egoísmo isola o ser que o possui; mas tenho de ser a fonte que primeiro me dá de beber do amor – depois de Deus, é claro.

Eu Me Amo Incondicionalmente

Deveria Ser Uma Realidade Mais Constante.

Entre os maiores mandamentos de Deus ao ser humano, está Amar a Ele sobre todas as coisas, depois amar ao próximo como a SI MESMO. Preciso ME AMAR antes de poder amar ao outro. Se em algum momento eu inverter essa ordem, vou me dar muito mal nos meus relacionamentos.