Nega Gizza – A Voz Feminina do RAP

MV Bill e Nega Gizza

MV Bill e Nega Gizza (Photo credit: tvbrasil)

Uhhh se eu achar algo interessante, mesmo que não seja do seu mundo, você se compromete de ver/ouvir/ler pra saber do que se trata e não arriscar ser preconceituoso e desperdiçar algo novo e surpreendente e que existe? [Risos]. Pra muitos o RAP pode ser um gênero musical discriminado tendo em vista a sua proposta original de dizer a VERDADE de um segmento que por muito tempo esteve calado.

Seguindo essa linha, achei na pessoa de Nega Gizza, uma voz [e que potência de voz, na expressividade] um exemplo que representa o que pode ser o RAP.

[youtube:http://www.youtube.com/watch?v=q0l28-5otsg%5D

A letra desse RAP tira todo glamour que “uma linda mulher” poderia ter posto na prostituição. Há quem goste de retratos com photoshop. Mas como saberíamos o que é a verdade se só andássemos de maquiagem?